Segunda-Feira 24/09/2018 17:09

Mato Grosso do Sul já recebeu 71,7 mil imigrantes neste ano

Estado - Geral - Imigração

Principal rota para a chegada ao Estado tem sido Corumbá

Município tem sido a principal porta de entrada de haitianos. Volume cresceu em 2018: somente no primeiro semestre, foram 1,3 mil recebidos - Diário Corumbaense

O dinheiro era pouco – as últimas economias da família, que havia acabado de sobreviver a um terremoto. Mas o valor foi o suficiente para comprar uma passagem e cruzar o oceano até o Brasil. 

“Eu fazia faculdade na República Dominicana, era particular, minha mãe pagava para mim, mas ela não tinha mais condições de pagar. Como eu sabia dessa imigração intensa, minha mãe decidiu comprar a passagem para eu vir e também o visto, que custou US$ 200”.

Quem conta a história é Wadner Abfalon, 29 anos, que é haitiano, mas mora em Mato Grosso do Sul desde 2014. Ele diz que a escolha de sua mãe em ajudá-lo a vir para o país tropical foi por “dois motivos: primeiro trabalhar, segundo  para concluir minha faculdade de Letras, que era muito importante para ela”.

Abfalon é um entre tantos estrangeiros que, seja por questões econômicas seja políticas, escolheram o Brasil como destino e, dentro dele,  Mato Grosso do Sul.

Com 1,5 mil quilômetros de fronteira seca com Bolívia e Paraguai e após endurecimento da política migratória do Chile, o Estado virou porta de entrada de estrangeiros. Somente até julho deste ano, 71.761 pessoas ingressaram no Brasil por MS. Em todo 2017, foram 99.104 imigrantes, segundo dados da Polícia Federal.

A maioria vem de países vizinhos, como Paraguai e Bolívia, ou ainda de nações sem perspectiva diante da escassez de postos formais de trabalho e da miséria que os assola de forma crônica, como no caso de Venezuela, Síria, Colômbia e Haiti, que desde 2010 tenta se reerguer do terremoto. 

“É uma esperança pra gente. Aqui eu me tornei professor, consegui trabalho, conquistei minha família. A gente vem mesmo para trabalhar, em busca de oportunidades, mas nada é fácil”, conta Wadner, que atualmente dá aulas de Francês num projeto da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e, nas horas vagas, ensina Português aos conterrâneos.

Correio do Estado/PH

Mato Grosso do Sul, Imigração Constante

Compartilhar faz bem!

Eventos

  • 1º Encontro dos Amigos da Empaer

    1º Encontro dos Amigos da Empaer

    Cidade:Dourados
    Data:29/07/2017
    Local:Restaurante / Espaço Guarujá

  • Caravana da Saúde em Dourados II

    Caravana da Saúde em Dourados II

    Cidade:Dourados
    Data:16/04/2016
    Local:Complexo Esportivo Jorge Antonio Salomão

Veja Mais Eventos

Balcão de Oportunidades / Empregos(Utilidade Pública)

Não é cadastrado ainda? Clique aqui

Veja todas as ofertas de vagas

Cotações

Moeda Taxa R$
Dólar 4,092
Euro 4,808
Franco suíço 4,245
Yuan 0,595
Iene 0,036
Peso arg. 0,110

Atualizado

Universitários

Serviço Gratuito Classificados - Anúnicios para Universitários

Tempo / Clima

Newsletter
Receba nossa Newsletter

Classificados

Gostaria de anunciar conosco? Clique aqui e cadastre-se gratuitamente.

  • Anúncios

Direitos do Cidadão

Escritório Baraúna-Mangeon Faça sua pergunta
  • Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatá...Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatária aqui em Cuiabá, levou muita grana nossa, e uma eco esporte. Ela se chama LEUNIR..., como faço pra denunciar ela aí nos jornais?Resp.
  • Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um...Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um eo outro parcial ja faz um bom tempo que nao trabalha e estava recebendo auxilio doença mas foi cancelada e ja passou por duas pericias e nao consegui mais , sera que tem como ela aposentar?Resp.
  • quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje out...quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje outbro de 2013Resp.
  • meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 ...meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 a zero caso ele tenha alguma condenacao esse 2 anos e meio pode ser descontadoResp.
  • gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilota...gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilotar maqunas agricolas?? se tiver como fasso pra me escreverResp.
+ Perguntas

Espaço do Leitor

Envie sua mensagem:
Sugestões, críticas, opinião.
  • iraci cesario da rocha rocha

    Procuro minha irmã Creusa Maria Cesario ela era de Dracena SP , minha mãe esta idosa 79 anos precisa ver ela se alguem souber nos avisa ..contato 018 996944659 falar com Iraci ..minha irmã foi vista nessa região

  • iraci cesario da rocha rocha

    Boa noite , estou a procura da minha irmã Creusa Maria Cesario desapareceu ha 30 anos , preciso encontrar porque minha mãe esta com 79 anos e quer ver , ela foi vista ai por essa região , quem souber nos avise moramos aqui em Dracena SP

  • maria de lourdes medeiros bruno

    Parabéns, pelo espaço criado. Muito bem trabalhado e notícias expostas com clareza exatidão. Moro na Cidade de Aquidauana e gostaria de enviar artigos. Maria de Lourdes Medeiros Bruno

  • cleidiane nogueira soares

    Procuro por Margarida Batista Barbosa e seu filho Vittorio Hugo Barbosa Câmara.moravam em Coração de Jesus MG nos anos 90 .fomos muito amigos e minha família toda procura por notícias suas.sabemos que voltaram para Aparecida do Taboado MS sua cidade natal

  • Simone Cristina Custódio Garcia

    Procuro meu pai Demerval Abolis, Por favor, me ajudem.Meu telefone (19) 32672152 a cobrar, Campinas SP.

+ Mensagens